Blog: Saiba Mais

Como cuidar da carreira, DE VERDADE!

Carreira tem sido um tema recorrente na mídia e nas conversas do dia a dia. Podemos dizer que é o “tema do momento”. Mas muito pouco do que se ouve podemos considerar como verdade para todos os profissionais. Há mitos, idéias ultrapassadas e até afirmações que podem ser verdadeiras para alguns profissionais e segmentos de mercado, mas não para todos.

Comecemos então pela definição de Carreira: é um processo cujo “proprietário” é a própria pessoa, e não a empresa.

Sendo assim, cabe ao próprio profissional definir qual caminho trilhar na sua vida profissional, como e onde (em que contexto) aplicar seus conhecimentos e competências e que investimentos fazer no próprio desenvolvimento. Fazer escolhas, é, portanto, fundamental para gerir a própria Carreira de forma adequada.

Cuidar da carreira implica em direcionar a energia, empreendendo os esforços necessários, muitas vezes de longo prazo, para alcançar a situação desejada. Optar pelo que se quer é bem diferente de aceitar o que aparece.

Não há carreira “fácil” ou que “dê mais dinheiro” e sim esforços contínuos, estudo, conhecimento de mercado, construção de redes de relacionamento na direção que se deseja.

Neste sentido, outro aspecto importantíssimo da gestão de carreira está relacionado à necessidade de autoconhecimento.

Saber quem você é, quais são as suas competências e diferenciais, quais as condições em que vc produz melhor, em que você pode agregar valor à empresa e o que você quer na sua carreira e na vida são temas fundamentais e que podem ajudá-lo(a) a se posicionar de forma diferente nas situações de trabalho.

Para fazer escolhas com consciência, o autoconhecimento é requisito indispensável. Escolhemos com base no que conhecemos de nós mesmos. Conforme vamos vivendo as experiências, e refletindo a respeito, o autoconhecimento pode ir se aprofundando, daí a necessidade de revisitar os planos para a carreira à luz deste movimento incessante da vida.

Já é uma prática de muitos profissionais reservar um tempo, pelo menos uma vez por ano, para avaliar como foi o período, se os objetivos foram atingidos, como está o seu nível de satisfação, e planejar ou rever os próximos passos. É altamente recomendável a criação deste ritual de revisão e reflexão, pois é uma maneira de abrir espaço para estas questões que muitas vezes ficam por baixo do pano no dia a dia corrido de trabalho.